Previsão do Tempo

Hoje

Projeto Mais Cor na Nossa Vida auxilia pacientes a controlar uso de medicamentos

10/07/2019

 

Na segunda-feira, 08, as agentes de saúde estiveram reunidas na UBS para dar sequência ao projeto Mais Cor na Nossa Vida.

De acordo com informações do secretário de Saúde, Cleimar Araldi, na oportunidade, foram mostrados os dados das entrevistas realizadas pelas próprias agentes. “Os dados coletados pelas agentes foi compilados pelos profissionais da Secretaria de Saúde e, por meio de gráficos, apresentados a elas como forma de auxiliar na discussão e buscar alternativas para reduzir os erros e a promover o uso racional de medicamentos”, informou o Araldi.

Conforme com a farmacêutica bioquímica clínica, Alexandra Nava, as agentes levaram um questionário nas visitas e fotografaram como os medicamentos são armazenados. “Até o momento realizaram 190 questionários, e os dados mostraram que 56% dos cidadãos atendidos pela UBS utilizam mais que cinco medicamentos contínuos; 65% apresentam mais de 60 anos, além de apresentarem dificuldades na leitura e identificação dos medicamentos”, destaca Alexandra ao observar que tais problemas são importantes e precisam ter a atenção merecida para não se tomar algo mais grave.

Segundo Alexandra, a ideia é reduzir esses problemas e, para isso foi conversado com as agentes sobre a importância delas nesse processo e realizado um breve treinamento sobre como será feita a separação dos medicamentos.

 

Como será dado continuidade ao Projeto

As carteiras de medicamentos contínuos serão digitadas e cada medicamento identificado por cor: amarelo para medicamentos utilizados de manhã, rosa para medicamentos ao meio dia, e azul para medicamentos utilizados à noite.

Além das cores na carteirinha, os medicamentos serão separados com borrachinhas coloridas, facilitando à adesão e identificação correta dos medicamentos. Esse trabalho está sendo realizado na UBS, no momento da renovação das receitas de medicamentos contínuos.

As agentes receberam um pequeno kit, contendo uma pastinha, canetas coloridas e borrachinhas para darem seguimento neste trabalho nas casas dos pacientes.