Acessibilidade:

Ipiranga do Sul foi sede do IX Fórum Norte Gaúcho da Soja

Na pauta do debate temas como artesania do manejo, análises e perspectivas de mercado, clima e doenças da soja

 

 

Importantes temas do agro foram debatidos nos três dias (26, 29 e 30) do IX Fórum Norte Gaúcho da Soja. Evento foi promovido pelo Sindicato Rural de Getúlio Vargas, Prefeitura de Ipiranga do Sul, Accias Getúlio Vargas, Emater/RS-Ascar, Unideau e Associação dos Engenheiros Agrônomos dos Municípios do Alto Uruguai. Com o objetivo de apresentar informações que fortalecem o setor agrícola, o evento foi uma oportunidade para os produtores conhecerem ainda mais sobre a cultura da soja e os fatores que influenciam na sua produtividade e, consequentemente, na rentabilidade. Os temas propostos nesta edição foram apresentados de forma presencial e também por meio de lives.

 

 

Na sexta-feira, 26, os participantes foram recepcionados no município de Ipiranga do Sul, onde acompanharam os temas: “La Niña segue influenciando o clima no estado nos próximos meses”, com Estael Sias; “Solos: artesania do manejo num agro de oportunidades”, com Jorge Lemainski; “Análises e perspectivas para o mercado da soja safra 2022/2023”, com Antonio da Luz; “Uso de bioinsumos em sistemas de produção”, com Anderson Ferreira; e “Intacta 2 Xtend: novas ferramentas de manejo”, com Eduardo Canova.

 

 

Na segunda-feira (29) e terça-feira (30), em formato virtual, diretamente do Sindicato Rural de Getúlio Vargas e transmissão pelo YouTube do Fórum Norte Gaúcho, foram apresentados os temas: “Doenças da soja: como foram na última safra e o que esperar para 2022/2023”, com Carlos Alberto Forcelini; e “Desafios e oportunidades no controle de plantas daninhas”, com Anderson Nunes.

 

 

Para os organizadores do evento o momento foi oportuno, pois apresentou resultados de pesquisas realizadas na última safra e os indicativos de manejo adequados para possibilitar atingir maior produtividade, além dos cuidados com as doenças e as aplicações dos insumos nas dosagens adequadas para cada momento do cultivo das plantas. Ainda foram abordados os fatores que vão interferir no clima que indicam situação favorável, com probabilidade de acontecerem chuvas na média para a região. Sobre os preços da soja são vários fatores que influenciarão o mercado, mas que serão muito influenciados pelo que vai acontecer nos Estados Unidos e na China, especialmente com relação ao clima. Outra constatação é que os bioinsumos são uma realidade e o produtor já tem seus bioinsumos naturalmente, porém o manejo correto de solo é fundamental. Historicamente, a produtividade média sobe quando a adoção de tecnologia atinge patamares significativos.

 

O prefeito de Ipiranga do Sul, Marco Antonio Sana, agradeceu a todos os envolvidos na organização, os patrocinadores, o público presente e os que acompanharam as palestras de modo virtual.

 

Ao finalizar o evento, foi lançada a décima edição do Fórum Norte Gaúcho da Soja, que acontecerá no próximo ano e que será um momento importante para marcar a história dos fóruns e onde serão apresentadas novidades para os produtores contribuindo com informações e conhecimento para fortalecer o agronegócio.

 

 

O evento teve o patrocínio das empresas Olfar, Bayer, Senar-RS, Pioneer, Sicredi, Cotrijal, Adubos Coxilha e Banco do Brasil.

 

 

Fotos: Maria Lúcia Carraro Smaniotto

 

Imagem destacada:

Fique por dentro das notícias! Cadastre-se no nosso NewsLetter: